Um dos momentos mais marcantes da história mundial, a Idade Média sempre é cobrados nos vestibulares das maiores universidades do país. Por esse motivo, a maior parte dos cursinhos pré vestibular on-line sempre revisam o Feudalismo, um dos sistemas econômicos da época.

Para acabar de uma vez por todas com suas dúvidas, nós elaboramos um guia completo sobre o Feudalismo e suas principais características. Vamos lá?

O que foi o Feudalismo e como surgiu

O Feudalismo foi um sistema econômico que ocorreu na Europa entre os séculos X e XI, em que imperava o poder descentralizado —  quem comandava eram os senhores feudais —  e o Clero —  padres e bispos —  tinham notável importância. A característica mais marcante da época era a servidão —  também conhecida como vassalagem —  dos camponeses para os senhores feudais.

Para entender um pouco melhor o Feudalismo, é necessário saber sua origem. Na época, o Império Romano passou por uma terrível crise, impulsionando o poder da economia rural. Além disso, simultaneamente à queda do império, ocorreram as invasões bárbaras que desestruturam a Europa Ocidental.

A partir disso, toda a economia do Feudalismo era baseada na agricultura, uma vez que, as relações de vassalagem e suserania predominava. Nesse sistema, os vassalos (servos) recebiam pedaços de terra do suserano (nobres) em troca de fidelidade, trabalho e proteção.

A Sociedade Feudal

Podemos afirmar que a sociedade feudal era uma pirâmide e funcionava da seguinte forma:

Nobreza;

Clero,

Servos.

A nobreza era composta pelo rei, condes e duques. Por cuidarem de todo o feudo, os nobres também eram chamados de senhores feudais ou suseranos. Essa classe da sociedade tinha o poder de criar e aplicar leis, declarar guerras, cobrar impostos e determinar a quantia de terra que os servos recebiam.

Na pirâmide, logo abaixo, estava o Clero, formado por bispos, padres e outras autoridades religiosas da Igreja Católica. De acordo com os nobres, essa classe era isenta do pagamento de impostos e tinham a missão de prezar pela paz e garantir o equilíbrio espiritual do feudo.

Por fim, a base da pirâmide representa o maior número de pessoas do feudo. Os servos eram camponeses e exerciam atividades braçais, como o cultivo da terra e o ordenho de gado. Mesmo sem nenhum ganho monetário, os servos eram obrigados a pagarem impostos altíssimos e outros tributos.

Dentre os servos, também havia outras classificações como os vilões, que moravam em vilas e prestavam serviços com a possibilidade de trocar de propriedades, e os escravos, que eram responsáveis pelos serviços domésticos. Havia também os ministeriais, os únicos que podiam ter ascensão social e chegar um pouco mais próximo ao topo da pirâmide.

Como ocorria as concessões de terra?

Nem sempre, as concessões de terra eram feitas pelo rei. No entanto, não era tão simples conquistar algum terreno para começar a trabalhar para algum senhor feudal. Os casamentos arranjados também eram comuns na época, a fim de garantir a fidelidade de um senhor feudal e a vassalagem de uma família.

As guerras também eram meio de conquista de terra, já que por várias vezes os laços de vassalagem se rompiam e o desejo de expandir seu terreno era maior. Nesses casos, quem ganhava a guerra, conquistava mais espaço e mais visão perante os nobres.

A Crise do Feudalismo

Com o surgimento do proletariados, ocorreu uma crise no sistema feudal. Na mesma época, a urbanização dos feudos se fez mais presente, garantindo o aumento das cidades, novas transações e relações comercial.

Uma nova classe surgiu e ficou conhecida como a burguesia. Na Europa, também nascia um novo sistema econômico, o capitalismo e com isso, a derrocada do feudalismo, foi inevitável!

Por: Liberdadenews/Ascom


Capes anuncia novas regras para bolsas de pós-graduação

Modelo leva em consideração desempenho acadêmico e IDHM Cursos de mestrado e doutorado poderão perder até 10% ou ganhar mais 30% do número

Estudantes da UESB vencem workshop internacional de tecnologia

O desperdício de alimentos em feiras livres é um problema social que pode ser resolvido com apenas um caixote de feira, uma placa de

Não passou no vestibular? Confira dicas para recuperar a motivação

Aprenda a ter ânimo para voltar a estudar e não desistir do seu sonho Não passar no vestibular é uma situação que não é tão simples de

Curso de Biomedicina está entre os mais concorridos da área de

Biomédicos focam em pesquisas sobre causadores de enfermidades e suas possíveis curas A Biomedicina é uma carreira que transita entre a Biologia

MEC busca alternativa para voltar a emitir carteira de estudante

O Ministério da Educação (MEC) informou nesta segunda (17) que busca alternativas para garantir aos estudantes a emissão gratuita de

Resultado da segunda chamada do ProUni já está disponível

Estudantes têm até o dia 28 para apresentar documentação O Ministério da Educação divulgou hoje (18) o resultado da segunda chamada do

MEC não pode emitir carteira estudantil a partir desta segunda-feira

IDs terão validade até a data de expiração O Ministério da Educação (MEC) não está emitindo novas identidades estudantis (IDs) – as

Matrícula na educação infantil cresceu 12,6% nos últimos cinco

O crescimento foi impulsionado pelas matrículas em creches O número de matrículas na educação infantil aumentou em 12,6% nos últimos cinco

Praticar atividade física com vídeos da internet pode causar graves

Vídeos que circulam pela internet são alternativas “fáceis” e baratas Cada dia mais comum no ambiente virtual, aplicativos, blogs e vídeos

Saiba quais são os fenômenos astronômicos previstos para 2020

Calendário prevê eclipses solares, lunares e chuvas de meteoros Os fenômenos astronômicos previstos para 2020 vão além da Superlua deste

Nossos Apoiadores: