O resultado da primeira chamada do Programa Universidade para Todos (ProUni) está disponível na página do programa. Para assegurar a bolsa de estudos, os estudantes que foram selecionados devem, a partir desta terça-feira, 18, comparecer nas instituições de ensino e comprovar as informações fornecidas na hora da inscrição.

No site do ProUni está disponível a lista da documentação necessária. Cabe aos estudantes verificar, nas instituições de ensino para as quais foram selecionados, os horários e o local de comparecimento para a aferição das informações. O prazo para que isso seja feito vai até o dia 25 de junho.

Aqueles que não foram selecionados têm ainda outras chances. No dia 2 de julho será divulgada a lista dos aprovados em segunda chamada. Os candidatos podem, ainda, participar da lista de espera nos dias 15 e 16 de julho.

ProUni

Ao todo, serão ofertadas para o segundo semestre deste ano 169.226 bolsas de estudos em instituições particulares de ensino superior, sendo 68.087 bolsas integrais, de 100% do valor da mensalidade e 101.139 parciais, que cobrem 50% do valor da mensalidade.

As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo. As bolsas parciais contemplam os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

Quem pode participar

Podem participar do ProUni candidatos que não tenham diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. Além disso, os estudantes precisam ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral.

É preciso ter obtido ainda nota mínima de 450 pontos na média aritmética das notas obtidas nas provas do Enem. O cálculo é feito a partir da soma das notas das cinco provas, dividida por cinco. Outra exigência é a de que o aluno não tenha tirado zero na redação.

Também podem se inscrever no programa estudantes com deficiência e professores da rede pública.

Fonte: Agência Brasil


Participantes do Enem 2019 já podem consultar notas

Site oferece simulador de nota de corte gratuito; confira As notas individuais do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 estão disponíveis a

Confira as principais dicas para escolher a melhor escola para o seu

Diretores de colégios com melhores pontuações no Enem citam abordagens que fazem diferença na formação do aluno Importante etapa para

MEC define novas regras para financiamento da educação básica

O ministro da Educação pretende melhorar os índices educacionais no ranking mundial O Governo Federal, por meio do Ministério da Educação

Matrículas na rede municipal de ensino abrem no dia 24 de janeiro

Teixeira de Freitas: O período de matrícula em toda a rede municipal de ensino de Teixeira de Freitas, para o ano de 2020, começa no dia 24 de

Polícia Militar da Bahia divulga listas de sorteados para colégios

A Polícia Militar da Bahia divulgou, na tarde desta segunda-feira (13), as primeiras listas de sorteados no processo seletivo para os colégios

Justiça e Educação financiarão pesquisas em segurança pública

Estão previstos R$ 10,1 milhões para o programa Os ministérios da Justiça e Segurança Pública e da Educação lançaram hoje (8), em

MEC enviará ao Congresso proposta com novas regras para o Fundeb

O governo federal encaminhará, em breve, ao Congresso Nacional, uma proposta de mudança nas regras de financiamento do ensino básico. Hoje (9),

Hacker do bem: universidades oferecem formação nessa área

O curso de tecnologia da informação é uma das opções para quem tem interesse no segmento Também conhecidos como hacker ético ou “chapéu

Resultados do Enem 2019 serão disponibilizados na próxima semana

Notas poderão ser consultadas na Página do Participante, no dia 17 Candidatos que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019

O que é a fusão nuclear, que promete ser a energia limpa do mundo?

O reator do tipo 'tokamak' deve ser usado no projeto internacional de cooperação para fusão nuclear, o Iter As perspectivas para o

Nossos Apoiadores: