Composta por pessoas nascidas a partir de 2010, a Geração Alpha é primordialmente classificada por ser 100% nativa digital. Ou seja, os alphas já nascem praticamente sabendo, quase que institivamente, se virar muito bem com um celular. A nova realidade traz aspectos positivos e negativos no que se refere ao desenvolvimento dessa geração.

“Quanto aos aspectos positivos, pode-se citar o acesso rápido à informação, a facilidade em se comunicar com o que está longe, além da tecnologia poder ser usada em atividades pedagógicas e escolares”, comenta a professora do curso de Psicologia da FSG Centro Universitário, Joice Cadore Sonego. Para a profissional, se utilizadas de forma responsável, as ferramentas tecnológicas contribuem de maneira positiva para os processos de ensino-aprendizagem.

Também doutora em Psicologia pela UFRGS, Sonego alerta, no entanto, para a importância da interação “cara a cara” da criança com outras pessoas, pois as telas dificultam esse processo, além de não proporcionarem experiências fundamentais ao desenvolvimento emocional, como por exemplo, a possibilidade de se frustrar.

Assim como a geração conectada, as anteriores já vêm se adaptando cada vez mais ao mundo virtual. Em dados gerais, 215,2 milhões são mobile (utilizam smartphones), segundo a HootSuite.  Para que essa geração colha bons frutos, a principal dica é ter consciência do tempo de uso das tecnologias, tanto por parte dos filhos quanto por parte deles mesmos.

“Sabe-se que as crianças aprendem por imitação de modelos e, se a criança tem pais que não “desgrudam” do smartphone ou do tablet, como ela vai fazer diferente? Estamos todos imersos na tecnologia, mas os pais são os responsáveis por dosar esse uso por parte das crianças e oferecer às mesmas outras possibilidades de entretenimento e de convívio social”, conclui Joice Sonego,

Agência Educa Mais Brasil

Associação Pestalozzi de Teixeira distribui cestas básicas e kits

Teixeira de Freitas: A Associação Pestalozzi De Teixeira de Freitas, informa que, neste período de pandemia, foram distribuídas cestas básicas

FGV oferece cursos gratuitos e on-line em diversas áreas com

Interessados podem se inscrever através da instituição Temas importantes como direitos nos meios digitais, liberdade de expressão e democracia

Vacina para Covid: “resultado será positivo”, afirma

Vacina para Covid: “resultado será positivo”, afirma profissional da saúde À frente das pesquisas estão diversos profissionais, dentre eles

Forças Armadas vão auxiliar na logística e segurança do Enem

Provas serão aplicadas em janeiro de 2021 A pedido do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão

Professores pretendem usar mais ferramentas de TI na volta às aulas

Para 81% dos professores tecnologia é grande aliada do ensino Uma pesquisa encomendada pela Fundação Lemann mostrou que 55% dos professores

Estudantes do Brasil vencem concurso latino-americano de Arquitetura

Competição tem como foco soluções envolvendo o aço O projeto “Arquitetura que não toca o chão”, da dupla estudantes brasileiros do curso

Curso de produção textual para professores está com inscrições

Aulas são on-line para qualquer cidadão, mas o público do programa é o alfabetizador A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível

CNE aprova nova versão de Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

Documento registra 215 cursos distribuídos em 13 eixos tecnológicos O Conselho Nacional de Educação (CNE) aprovou ontem (12) por

CNE aprova nova versão do Catálogo Nacional de Cursos Técnicos

Próxima etapa é a homologação do documento pelo Ministério da Educação Usado como referência para instituições e redes de ensino que

Estudantes participam da Olimpíada Brasileira de Astronomia

Provas podem ser feitas até amanhã de forma virtual Mais de 437 mil estudantes, em todo o país, devem participar nesta quinta (12) e

Nossos Apoiadores: