A Secretaria da Educação do Estado da Bahia (SEC) e o Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação (CAED) realizaram o pré-lançamento do Portal do Sistema de Avaliação Baiano de Educação (SABE), nessa quarta-feira (22), no auditório da Secretaria. Na ocasião, o CAED apresentou o resultado da Avaliação Somativa do SABE 2019 e anunciou a segunda edição do Sistema de Avaliação Baiano de Educação (SABE), que vai acontecer entre fevereiro e outubro deste ano. A ferramenta é considerada fundamental para o mapeamento das aprendizagens dos estudantes das escolas estaduais da capital e do interior. Participaram do evento o secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues, e outros dirigentes da rede estadual, além de representantes do CAED.

Dentro do projeto pedagógico de incentivar ações para que, ao longo do ano letivo, as escolas da rede estadual sejam espaço de acolhimento, de pertencimento e de garantia dos direitos de aprendizagem para os estudantes, o secretário Jerônimo Rodrigues falou sobre a importância do retorno do SABE na rede estadual. “Quero me dirigir aos Núcleos Territoriais de Educação (NTE) e a cada unidade escolar do Estado, celebrando a retomada de um sistema estadual de avaliação, que iniciamos em 2007. Entendemos muito bem o papel da avaliação e as dificuldades que temos no processo avaliativo. Então, retomar e fortalecer esse sistema significa caminharmos para a qualificação do processo de formação dos professores e do processo de controle de cada atividade pedagógica. O sistema de avaliação nos dá a possibilidade de monitorar cada Núcleo Territorial, cada escola, cada classe, cada estudante, ou seja, toda a nossa rede estadual de Educação, visando o fortalecimento da aprendizagem da Bahia”.

O secretário Jerônimo falou, ainda, sobre a importância da participação efetiva dos gestores e professores no Portal do SABE, que será lançado durante a Jornada Pedagógica. “Os diretores dos Núcleos Territoriais, os gestores escolares, os coordenadores pedagógicos e os professores da rede estadual terão em mãos uma ferramenta muito importante e dinâmica. Então, faço um apelo para que participem desse portal, não só acessando, mas também trazendo contribuições, ajudando a gente a qualificar as boas práticas. É importante que o portal seja usado diariamente pois temos ali informações das avaliações, das nossas provas aplicadas ao longo do ano. Esta ferramenta nos ajudará na pactuação que fizemos com os NTEs e o pacto que faremos, neste ano, com cada unidade escolar, para que possamos movimentar, melhorar os nossos indicadores”.

A diretora geral do CAED, Lina Cátia de Oliveira, aproveitou a ocasião para celebrar a parceria com a SEC e ressaltou, também, a importância dos processos avaliativos na Educação. “É muito importante a iniciativa que a Secretaria da Educação do Estado da Bahia tomou em relação à retomada do sistema de avaliação, porque os dados chegam à escola e devem ser traduzidos em realidades educacionais. Ou seja, quais habilidades e que percursos a escola deve tomar para contribuir nesse processo de aprendizagem e, assim, o aluno siga o seu percurso escolar com sucesso. E vem aí uma plataforma com foco no pedagógico que vai ajudar o professor em sala de aula a entender os resultados avaliativos e a fazer seu planejamento e replanejamento. O CAED e a SEC têm o entendimento que avaliar é testar o direito fundamental de todo aluno, que é aprender”.

O SABE tem como objetivo fortalecer a cultura de avaliação como estratégia potencializadora das aprendizagens e de indicadores pedagógicos que subsidiem a atuação da Secretaria da Educação e das escolas nos processos formativos dos estudantes e dos professores. Além disso, o sistema visa promover uma familiarização dos estudantes com diferentes processos avaliativos, a partir das atividades realizadas nas escolas.

Calendário SABE 2020 – A Secretaria da Educação também divulgou o calendário 2020 do Sistema de Avaliação Baiano de Educação (veja tabela abaixo). A coordenadora estadual do SABE, Fátima Medeiros, destaca a importância de os colégios aplicarem as provas do SABE: “Os resultados subsidiam a discussão durantes as AC (Atividade Complementar) de Língua Portuguesa e Matemática; contribuem para a SEC pensar em ações formativas para os professores; e ajudam os coordenadores na orientação dos seus trabalhos pedagógicos, junto aos professores. Para o estudante é uma forma de ele perceber como está o seu aprendizado nessas disciplinas e refletir sobre os esforços necessários para melhorar”, enumera.

A novidade, este ano, é que serão realizadas sete atividades avaliativas, sendo que irão para o sistema três delas: avaliação diagnóstica, que acontece no dia 18 de fevereiro, e duas formativas, que serão realizadas nos dias 26 de maio e 20 de outubro, visando apresentar mais informações que possam subsidiar a adoção de novas estratégias pelos professores para potencializar as aprendizagens dos estudantes.

Em 2020, aponta a coordenadora, as avaliações serão direcionadas aos estudantes do 4º e 8º ano do Ensino Fundamental; do 1º e 2º ano do Ensino Médio; e do 1º e 2º ano da Educação Profissional. Dessa forma, em 2021, esses estudantes estarão nas séries conclusivas de cada etapa do SABE e farão, também, a avaliação do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB). “Então, as escolas vão poder analisar, por meio das provas do SABE, em séries distintas, o aprendizado dos estudantes e fazer intervenções necessárias, caso eles revelem que não estão com o aprendizado adequado àquela série", pontua.

Importante destacar que no dia 4 de agosto será realizada a Prova SABE, que é uma avaliação externa baseada na mesma metodologia das avaliações do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), com a finalidade de aproximar os estudantes dos procedimentos exigidos em diversas avaliações usadas nacionalmente e subsidiar as escolas com informações sobre a evolução das aprendizagens dos estudantes, para a melhoria dos processos de ensino e das aprendizagens.

Calendário SABE 2020:

18/02 - SABE 1 - Avaliação Diagnóstica

31/03 - SABE 2 - Caderno de Apoio

26/05 - SABE 3 - Avaliação Formativa

07/07 - SABE 4 - Caderno de Apoio

04/08 - SABE 5 - Avaliação Somativa (Prova SABE)

08/09 - SABE 6 - Caderno de Apoio

20/10 - SABE 7 - Avaliação Formativa

Por: Liberdadenews/ Ascom


Escolas brasileiras começam a atuar no modelo cívico-militar

Ainda em fase piloto, até 2023 aproximadamente 216 escolas deverão ser cívico-militares Visando contribuir para a evasão escolar crescente no

Estudantes podem representar o Brasil em olimpíada de Astronomia,

Inscrições para a 23ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica estão abertas Estudantes dos ensinos fundamental e médio de escolas

Doutorado para brasileiros nos Estados Unidos é possível pela Capes

Interessados podem se inscrever até 11 de março A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), juntamente com o

Curso gratuito capacita professores para alfabetizar alunos com

Aulas serão ministradas de maio a outubro de 2020 Uma iniciativa da parceria do Ministério da Educação (MEC) com a Universidade Federal de São

Lista de selecionados do Prouni 2020 está disponível para consulta

Confira o cronograma e não perca os prazos Os candidatos inscritos no Programa Universidade para Todos (ProUni) já podem consultar a lista de

Primeiro dia do ano letivo é iniciado na primeira Escola com Regime

Teixeira de Freitas: Iniciado nesta sexta-feira (31 de janeiro), o ano letivo da rede municipal de Teixeira de Freitas chega com novidades.

Bagaço de cana pode substituir petróleo na fabricação de

Composto é pesquisado no Instituto de Química de São Carlos A Universidade de São Paulo (USP) desenvolveu um composto derivado do bagaço de

Pesquisadores mostram desafios no ensino de inglês

No Brasil, só 10,3% dos jovens de 18 a 24 anos dizem saber o idioma Formar melhor os professores e definir formas de ensinar que sejam mais

Projeto de lei garante ensino a distância para gestantes e

Estudantes apoiam o projeto O projeto de lei nº 6384/19, proposto pelo senador Ciro Nogueira (PP-PI), tramita no Congresso Nacional e tem como

Coronavírus também chegou na Europa e na América do Norte

Cada pessoa infectada pela doença poderá transmitir o vírus para três pessoas Com base na última pesquisa sobre o Coronavírus, feita pelo

Nossos Apoiadores: