Alpinistas terão que comprovar cume em pelo menos um pico acima de 6.500 metros

O governo do Nepal determinou novas regras para expedições ao Monte Everest. Agora apenas alpinistas com experiência em escalada de alta altitude terão permissão para irem até o cume da montanha de maior altitude no planeta.

Os alpinistas vão precisar comprovar que já escalaram pelo menos um pico acima de 6.500 metros. Além disso, os alpinistas também devem apresentar um atestado de boa saúde e condicionamento físico e serem acompanhados por um guia nepalês treinado.

As novas regras foram determinadas após uma temporada em que onze alpinistas morreram ou desapareceram na montanha de 8.848 metros. Foram nove no lado nepalês e dois no lado tibetano.

De acordo com o The Himalayan Times, um painel nepalês – formado por funcionários do governo, especialistas em escalada e agências que representam a comunidade de escalada – foi criado depois que escaladores e guias criticaram autoridades por permitir que qualquer um que pagasse US$ 11 mil tentasse escalar o Everest. Algumas empresas tradicionais de expedição alertavam para as consequências perigosas da inexperiência e das multidões nas encostas da montanha.

O Nepal emitiu 381 permissões para alpinistas para o Everest na temporada de 2018, que aconteceu em maio. De acordo com o governo do Nepal e da China, 885 pessoas chegaram ao topo da montanha. Isto é, para cada alpinista com permissão, há as equipes de apoio, o que faz o número mais que dobrar.

O país possui oito das 14 montanhas mais altas do mundo. O alpinismo é uma fonte importante de emprego e renda para a nação pobre.

O relatório divulgado pelo governo também promete um sistema de previsão do tempo eficiente e que a fixação de corda deve ser feita a tempo, dando espaço suficiente para os alpinistas usarem uma janela de tempo boa para chegarem ao topo.

Fonte: Gooutside


Brasil fecha dia com 6 medalhas e está em 3º no Mundial de

Quatro bronzes, uma prata e um ouro. O Brasil conquistou seis medalhas nesta segunda-feira, 11, no Mundial de Atletismo Paralímpico de Dubai e

Vitória busca garantir permanência na segunda divisão

O momento pode ser considerado o melhor do Vitória na temporada. Nas últimas oito partidas em que disputou, o Leão venceu quatro e perdeu apenas

Presidente da LFTF divulga Nota de Repúdio contra ação do Técnico

Teixeira de Freitas: O presidente da Liga de Futebol de Teixeira de Freitas (LFTF), Luciano Ferreira Sales, emitiu uma Nota de Repúdio contra a

Sobrinho de Senna pilotará McLaren histórica do tricampeão

A Fórmula 1 desembarca no Brasil nesta semana com homenagens a Ayrton Senna, morto há 25 anos, em 1994. Entre os eventos que lembrarão o

Brasil perde a decisão do Torneio para a China nos pênaltis

A seleção brasileira feminina de futebol perdeu a decisão do Torneio Internacional, neste domingo, 10, em Chongqing, na China, para a seleção

Repórter Cícero Dantas é ofendido e intimidado por equipe do

Teixeira de Freitas: O Liberdade News recebeu no fim da tarde deste domingo, 10 de novembro, uma Nota de Repúdio assinada por um membro da Rádio

Vitória sai na frente, mas empata com o Figueirense no Barradão

O Vitória empatou em 2 a 2 com o Figueirense, neste sábado (2), no Barradão, em jogo válido pela 32ª rodada da Série B. O time rubro-negro

Goleiro Bruno pode disputar campeonato em 2020

Após ter rescindido contrato com o Poços de Caldas FC, o goleiro Bruno Fernandes pode integrar o elenco do Barbalha (CE) para a temporada de

Vitória bate a Ponte no 'apagar das luzes' e se distancia do Z-4

Superação foi a palavra certa para o Vitória no triunfo deste domingo, 27, sobre a Ponte Preta, em jogo válido pela 31ª rodada da Série B.

Bahia perde para Internacional e segue mal em casa

Por onde anda a força do Bahia jogando em casa? O time segue em busca da resposta enquanto vai levando pancadas em série. Na noite deste sábado,

Nossos Apoiadores: