No masculino vieram medalhas nos 100m T11, e no feminino nos 200m T11

A primeira dobradinha brasileira hoje (13) no Mundial de Atletismo Paralímpico, em Dubai (Emirados Árabes), foi protagonizada pelo veterano Lucas Prado, nos 100m T11 (deficiências visuais) com direito a quebra de recorde na competição: ele completou o percurso em 10s95. O carioca Felipe Gomes foi bronze ao cruzar a  linha de chegada em 11s04, apenas um centésimo a mais que o francês Timothée Adolphe (11s03), que ficou com a prata.

Também teve dupla verde e amarela no pódio dos 200m T11 para mulheres. A potiguar Thalita Vitoria Simplício da Silva deixou escapar o segundo ouro dela no Mundial. A atleta conquistou a prata ao completar o trajeto com três centésimos a mais que a chinesa Cuiqing Liu (24s89), que levou o ouro.  A paranaense Lorena Salvatini Spoladore (25s62) chegou em terceiro lugar e faturou o bronze, o segundo dela na competição. A disputa contou ainda com a participação da brasileira Jerusa Geber, quarta colocada.

No final desta manhã, a baiana Táscitha Cruz garantiu o bronze na prova dos 100m T36 (sequelas em decorrência de paralisia cerebral) ao cruzar a linha de chegada na terceira posição, com o tempo de 14s38. A vencedora foi a chinesa Yiting Shi (13s62) e a prata ficou com a argentina Yanina Andrea Martinez (14s02).

As próximas disputas com brasileiros acontecem a partir das 13h15 (horario de Brasilia): Victor de Jesus e Christian da Costa fazem a final dos 200m T37; Fernanda Yara disputa a final dos 200m T47 (deficiências membros superiores); Vinícius Rodrigues disputa a prova dos 100m T63 (amputados de membros inferiores com prótese).

Com as seis medalhas conquistadas até o momento, o Brasil permanece na vice-liderança na classificação geral, com um total de 31 (11 ouros, sete pratas, 13 bronzes). A China lidera com 46 medalhas e a Ucrânia ocupa a terceira posição com 19.

Fonte: Agência Brasil


Seleção de Handebol é campeã baiana nas categorias juvenil

Teixeira de Freitas: No último final de semana, 7 e 8 de dezembro, a Seleção Teixeirense de Handebol Feminino, Texas Hand, disputou o Campeonato

Mundial de Handebol: Brasil se complica após três jogos sem vencer

Seleção depende de 2 vitórias e combinação de resultados para avançar O Brasil ficou numa situação delicada no Mundial de Handebol

Brasil estreará contra a Venezuela na Copa América de 2020

Veja a tabela da competição A seleção brasileira conheceu nesta terça-feira o adversário de estreia na edição de 2020 da Copa América.

Craques do Flamengo tatuam taça da Libertadores

Jogadores do Rubro-Negro fizeram questão de marcar conquista da maior competição da América, em seus corpos. Confira fotos a seguir Após o

Marta encontra Cristiano Ronaldo e evita falar sobre aposentadoria

Encontro de craques foi promovido pelo canal Desimpedidos Escolhida como melhor futebolista do mundo por seis vezes, Marta teve um encontro de

Real Madrid lança uniforme virtual exclusivo para o game Fifa 20

Torcedores podem comprar uniforme que não será usado pelo time em campo O Real Madrid lançou uma nova camiseta exclusiva para o game Fifa 20.

Finalista do TUF Brasil, Serginho Moraes é demitido do UFC

Vice-campeão do reality show deixou franquia após série ruim O Brasil perdeu um atleta do quadro de profissionais do Ultimate Fighting Brasil.

Prefeitura inaugura Campo de Futebol Society em Santo Antônio

Teixeira de Freitas: Jeolino Lopes da Silva “Gel Lopes”, este foi o nome dado ao Campo Society inaugurado pela Prefeitura de Teixeira de

Brasil empata com a França no Mundial Feminino de Handebol

Depois de perder para a Alemanha em sua estreia no Mundial Feminino de Handebol, a seleção brasileira empatou em 19 a 19 com a atual campeã

Atlético recebe Corinthians para tentar voltar a vencer no

Galo está há quatro jogos sem vencer na competição nacional De volta ao Independência, o Atlético encara o Corinthians neste domingo, às

Nossos Apoiadores: