Diretor exige US$ 68 milhões de indenização, alegando que a empresa não honrou contratos relativos a seus filmes. Imbróglio é fruto de acusações de abuso sexual envolvendo o cineasta

Woody Allen entrou com processo no valor de US$ 68 milhões contra a Amazon por quebra de contrato. O cineasta acusa a gigante do streaming de cancelar o acordo relativo a seus filmes por causa da alegação “sem fundamento”, de décadas atrás, de que ele abusou sexualmente da filha Dylan.
Por meio de seus advogados, o diretor argumenta que a Amazon tentou encerrar o negócio em junho. Desde então, recusou-se a pagar US$ 9 milhões para o financiamento de seu próximo filme, A rainy day In New York.

O longa é apenas uma das produções a serem viabilizadas pelo acordo acertado depois de Allen fazer o programa Crisis in six scenes para a Amazon, que, na época da negociação, surgia como promissora provedora de conteúdo.

O diretor exige, além dos US$ 9 milhões, garantias mínimas devidas a ele para outros longas. Isso totaliza cerca de US$ 68 milhões, segundo a queixa apresentada a um tribunal federal em Nova York, revelada pela agência de notícias AFP.

A defesa do cineasta alega que a Amazon considerou o acordo “impraticável” por causa de “eventos supervenientes, incluindo alegações renovadas contra Allen e seus próprios comentários controversos”.

De acordo com o documento, a Amazon citou que atores se recusam a trabalhar com Allen. Ex-parceiros do diretor, Colin Firth, Michael Caine e Greta Gerwig declararam que não voltariam a atuar em filmes dele.

TRAIÇÃO

Em 1992, Woody Allen foi acusado pela ex-mulher, a atriz Mia Farrow, de abusar da filha deles, Dylan. Meses antes, ele havia assumido o caso amoroso com Soon-Yi Previn, a jovem enteada de Mia. Em 1993, Woody foi absolvido.

Em 2014, em carta enviada ao The New York Times, Dylan afirmou que o pai de abusara dela. Ronan Farrow, filho do casal e jornalista da revista New Yorker, confirmou o depoimento da irmã. Em 2017, Ronan publicou os artigos sobre assédio sexual envolvendo Harvey Weinstein, chefão de Hollywood, fonte de inspiração para o movimento Me too.

Porém, Moses Farrow, primogênito de Mia e Allen, defendeu o cineasta, acusando a mãe pelo imbróglio por não suportar a traição do cineasta. Casados desde 1997, Allen e Soon-Yi têm dois filhos adotivos.

Fonte: Estadão Conteúdo


Exame de DNA força ex-rei da Bélgica Alberto 2º a admitir filha

A artista belga Delphine Boël diz há mais de uma década que Alberto 2º é seu pai O ex-rei Alberto 2º, que abdic ou do trono na Bélgica,

Paolla Oliveira samba de shortinho e blusa transparente

Atriz participou de ensaio de rua da Grande Rio na noite deste domingo (26). A atriz Paolla Oliveira participou neste domingo (26) de um ensaio de

Ex-vocalista do Angra faz dueto com cantor da Calcinha Preta

Daniel Diau participou de show em Recife cantando Bleeding Heart/Agora Estou Sofrendo "Um feat que mercece ser gravado em estúdio". "Quem ganha

Aplaudida de pé: Cantora teixeirense dá show no The Voice Kids

Teixeira de Freitas: A cantora teixeirense Hellen Sandy deu um verdadeiro show durante sua participação no The Voice Kids neste domingo, 26 de

Atriz Olivia Torres se assume lésbica e desabafa no Instagram

A atriz postou um vídeo no Instagram com cenas de vários filmes que mostram relações entre mulheres. "Nos enxergar é revolucionário",

Regina Duarte revela que ainda não decidiu se aceitará cargo

A atriz Regina Duarte chegou em Brasília no início da tarde desta quarta-feira, 22, para se encontrar com o presidente Jair Bolsonaro. Após ter

Ciclone pode afetar condições do mar e tempo nesta semana

Caravelas: A Marinha do Brasil, em nota à imprensa na terça-feira (21), informou a previsão de formação de um ciclone “com possíveis

Casa da Cultura abre, no dia (3), matrículas para oficinas de 2020

Teixeira de Freitas: A cultura está crescendo cada vez mais e a meta para 2020 é chegar ao número de 2500 alunos. Atualmente a Casa da Cultura

Próximo final de semana tem o Carnabarra 2020

Caravelas: Serão três dias de muita festa, com a praia do mar - como cenário - e a tranquilidade de sempre da Praia do Grauçá, com a estrutura

88ª CIPM realiza Projeto "Semeando o Bem" com o objetivo de

Alcobaça: Policiais Militares da 88ª CIPM que tem sua Companhia instalada na cidade de Alcobaça, com responsabilidade de policiamento também

Nossos Apoiadores: