Nova viçosa: O homicídio aconteceu por volta das 23h00, desta terça-feira, 26 de março, em uma casa na Rua São Paulo, no Distrito de Argolo. A vítima identificada como Anderson Alves dos Santos, 27 anos de idade, morava em Nanuque/MG. Segundo o irmão da vítima, que também mora em Nanuque, Anderson recebeu um telefona de um colega por volta das 12h00, pedido para o mesmo ir até o Argolo, pois ele tinha arrumado um emprego para a vitima, em uma empresa de eucalipto.

O Anderson saiu de Nanuque e foi para Argolo ao encontro do amigo. Já em Argolo, segundo populares, a vítima estava no fundo da casa com o amigo, quando chegou um homem, ainda não identificado pela policia, que se aproximou atirando contra a vítima. Anderson ainda chegou correr para dentro da casa e caiu na sala, quando o atirador efetuou mais alguns tiros e fugiu. O colega de Anderson também saiu correndo com medo dos tiros.

Segundo o delegado Samuel Martins, titular da Delegacia de Nova Viçosa, Anderson tinha um mandado de prisão em seu desfavor, sob a acusação de ter matado a jovem Lorhayne Pereira Nunes, que foi assassinada no último dia 01 de janeiro deste ano. O crime de homicídio aconteceu em uma terça-feira, na Rua Principal, no Distrito de Argolo, e Lorhayne morreu com um tiro na testa.

Segundo os peritos Manoel Garrido e Everton dos Anjos, o Anderson foi morto com três tiros, os quais acertaram o peito, a nuca e a mão direita - este último, corresponde a uma lesão de defesa, segundo os peritos. Segundo o perito Garrido, foi encontrado 04 (quatro) saquinhos plásticos vazios, comumente utilizados na embalagem de drogas para venda e consumo. Os saquinhos apresentavam vestígios de uma substância em pó, semelhante à "cocaína". O material foi recolhido e passará por testes de constatação de "cocaina".

Também foi encontrado pelos peritos, dois projeteis de arma de fogo. Após a necropsia, o corpo foi removido ao IML de Teixeira de Freitas para exames de necropsia e posteriormente será liberado aos familiares para velório e sepulto. O delegado Samuel Martins instaurou inquérito policial para identificar o autor e motivação do crime.

Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews

Vestibular Pitagoras 2017.2
Casa das Correias
New Impress
previcon
Lecão Car 2017
Connect Informática
Nossos Apoiadores: