Cláudio Melo Filho, ex-diretor de relações institucionais da Odebrecht, afirmou em delação premiada que Jaques Wagner (PT-BA), secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia e ex-governador do estado, teria recebido um relógio avaliado em US$ 20 mil como presente de aniversário, em 2012. Ainda segundo a delação, ele também teria conseguido dinheiro para o candidato a sucessão dele, Rui Costa (PT-BA).

Além do depoimento registrado em vídeo que cita o relógio de US$ 20 mil, da marca Hublot, o delator também afirmou, em documento entregue ao MPF, que deu outro relógio, de US$ 4 mil, da marca Corum. Cláudio Melo Filho diz que este outro relógio também foi dado de presente de aniversário, mas afirma não se recordar do ano.

"O Sr. Jaques Wagner gosta de relógio, é meio notório, todo mundo sabia disso, eu pessoalmente sabia", disse Melo. "A preocupação não foi com o valor, foi com o simbolismo. Depois, ele me agradeceu, mas pessoalmente nunca o vi usando", completou o delator, citando que o presente e o dinheiro foram dados em troca de vantagens para a Odebrecht.

Em 2014, o então governador da Bahia negociou o pagamento de uma dívida que o governo tinha com a empresa em troca de doação para a campanha de seu sucessor. O delator explicou que para fazer o repasse, a empreiteira solicitou o pagamento de uma dívida da Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia. De uma dívida de R$ 390 milhões de reais ficou acertado que o governo pagaria 290 milhões. A empresa ficaria com R$ 260 milhões e os R$ 30 milhões restantes iriam para a campanha eleitoral.

Jaques Wagner também é suspeito de ter recebido cerca de US$ 12 milhões para campanha de reeleição ao governo da Bahia em 2010. Em troca, segundo as denúncias, teria concedido benefícios fiscais associados ao pagamento do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) que teriam favorecido a Odebrecht .

A acusação consta em depoimentos dos delatores Carlos José Fadigas de Souza Filho e Marcelo Odebrecht. A denúncia foi encaminhada pelo ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), à Justiça Federal da Bahia, por falta de prerrogativa de foro privilegiado perante a Corte. O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, também encaminha a denúncia para a Procuradoria da República na Bahia.

Procurado pelo G1, o secretário respondeu que "está tranquilo, trabalhando normalmente para atrair novos investimentos que gerem renda e emprego para os baianos". Ele defende ainda que as decisões do ministro Edson Fachin "sejam pronta e amplamente divulgadas em sua integralidade para evitar o uso político do que está na imprensa".

Tiririca usou cota parlamentar para viajar a locais onde faria show

O deputado federal Tiririca (PR-SP) usou recursos da cota parlamentar para comprar passagens aéreas para ele e seus assessores com destino a

Caixa nega fechamento de agências em Itabela, Cabrália e Belmonte

Santa Cruz Cabrália: Preocupado com a informação de que as agências da Caixa Econômica Federal nos municípios de Santa Cruz Cabrália,

Lajedão: Betão assina convênio com a Caixa para aquisição de

Lajedão: Na noite deste sábado, 09 de dezembro de 2017, o prefeito da cidade de Lajedão, Humberto Côrtes, mais conhecido como Betão, em meio

Encontro regional do DEM em Itamaraju terá participação de ACM

Itamaraju: O prefeito de Salvador, ACM Neto, participa na próxima quinta-feira, 14 de dezembro, do Encontro Regional do DEM, em Itamaraju. O

Facebook diz que 'espera' tomar medidas contra fakes na eleição

O Facebook afirmou que "espera" tomar medidas contra perfis falsos no país antes das eleições de 2018. "As políticas do Facebook não

Lei pode criar CNH específica para motorista com carro automático

A Comissão de Viação e Transportes aprovou um Projeto de Lei que permite aos motoristas tirar carteira de habilitação específica para

Prefeito Betão anuncia pagamento do 13º e convida para

Teixeira de Freitas: O prefeito de Lajedão, Humberto Côrtes (O Betão), anunciou nesta manhã de sexta-feira, 08 de dezembro, que o 13º salário

A NICA DA LIBERDADE 144

Ramiro Guedes PERDÃO, LEITORES E EDVALDO Mais uma semana em que atraso a postagem dessas Nicas. Mais uma vez, a culpa é do diabetes e da

Motorista bêbado que matar no trânsito pode pegar 8 anos de prisão

A Câmara aprovou na tarde desta quarta-feira, 6 de dezembro, projeto de lei com a previsão de punição de 5 a 8 anos de prisão para o

Tiririca diz que vai abandonar a política por vergonha

O deputado federal Tiririca (PR-SP) subiu à tribuna da Câmara nesta quarta-feira (6) para fazer um discurso no qual disse estar com "vergonha"

Casa das Correias
New Impress
previcon
Lecão Car 2017
Connect Informática
Pitagoras Connect
Nossos Apoiadores: