Variadas

Padrasto confessa que atirou acidentalmente em menino de 9 anos e é preso em Camaçari

O menino de 9 anos que foi morto com um tiro no município de Camaçari, na região metropolitana de Salvador, na noite de terça-feira (22), foi atingido pelo padrasto, segundo informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil nesta quarta-feira (23). O homem foi preso nesta quarta, em Camaçari, quando os investigadores foram até o local do crime para apuração.

Delegacia de Encruzilhada elucida roubo ao Fórum da cidade

Três homens foram presos e um adolescente apreendido por policiais da Delegacia Territorial (DT), de Encruzilhada, acusados de, na noite de 19 de agosto, terem entrado no Fórum da cidade e subtraído cinco armas, pequena quantidade de drogas, oito celulares e a quantia de R$ 3 mil, depositados no local. A 10ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Conquista) e a Polícia Militar deram apoio à ação.

Lavrador estupra cunhada de 12 anos e é preso em Araçás

Policiais da Delegacia Territorial (DT), de Araçás, cumpriram, na terça-feira (22), um mandado de prisão preventiva contra Antônio Milton Miranda da Silva, o “Tonho da Jega”, de 26 anos, acusado de ter estuprado a cunhada, que tem problemas mentais, em 2015, quando ela ainda tinha 12 anos de idade. A menina ficou grávida.

Duas irmãs são presas ao ameaçarem jurada dentro do fórum de Eunápolis

EUNÁPOLIS: Duas irmãs foram presas dentro do fórum de Eunápolis, na manhã de segunda-feira (21). Segundo a polícia, elas teriam ameaçado uma jurada. Noelma dos Santos Rodrigues, de 28 anos, e Joelma dos Santos Rodrigues, de 25, estavam no fórum para acompanhar o julgamento do irmão delas.

Golpe na venda ilegal de botox pode ter rendido até R$ 1 milhão

Envolvidos num esquema que utilizava nomes e registros de três médicos conceituados de Salvador para adquirir ampolas de botox e anabolizantes, dois homens e duas mulheres foram apresentados à imprensa, nesta segunda-feira (21), pelos delegados Adailton Adan e Glória Isabel Ramos, do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCC). Os produtos eram revendidos de forma ilegal e renderam à quadrilha cerca de R$ 1 milhão.


Anuncie Aqui!

(73) 9972-7955 || (73) 3013-6687
liberdadenews@hotmail.com
Copyright © 2017 LiberdadeNews - A Força da Notícia. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um software livre com licença GNU/GPL v2.0