Lajedão: O prefeito Betão se consolida como o prefeito da Bahia que mais transferiu votos para seus candidatos a deputados (Federal e Estadual). Fruto de um excelente trabalho realizado no pequeno município de Lajedão, em que a administração municipal tem números expressivos de aprovação. “Estamos trabalhando na base da confiança e dos serviços prestados, com muitas obras concluídas e em progresso, além de vários projetos em andamento. Trabalho diuturnamente pela melhoria desse município que amo”, disse o prefeito Betão.

Segundo os números dos votos válidos, o prefeito Betão conseguiu uma média de 50% dos votos para os seus dois deputados, sendo eles Cláudio Cajado (Federal) e Zé Cocá (Estadual. Foi uma surra de votos do prefeito Betão contra o seu principal oponente na cidade, Carlos Sena, que concorreu contra Betão nas eleições municipais, ao cargo de prefeito. Carlos Sena apoiou os deputados Ronaldo Carletto (Federal) e Larissa Oliveira (Estadual). O federal de Betão obteve 1.480 votos contra 261 de Ronaldo Carleto, o federal de Carlos Sena.

Já o estadual do prefeito Betão, Zé Cocá, obteve 1.381 votos (eleito), contra 295 votos da candidata Larissa Oliveira (candidata de Carlos Sena), que não conseguiu se reeleger. O povo de Lajedão mostrou nas urnas a gratidão pela excelente gestão do prefeito Betão, bem como gratidão pelos deputados que realmente vem trabalhando pelo município. “Foi massacrante a diferença dos deputados do prefeito Betão, contra a dos deputados do opositor, quase 80% de diferença de votos. Parabéns Betão”, disse um eleitor da cidade.

O prefeito Betão conseguiu também através de sua articulação política, prestígio, confiança e amizade, diversos outros votos na região extremo sul para os seus candidatos. “Agradeço a confiança dos nossos eleitores, amigos, de lideranças políticas de nosso município, de vereadores parceiros e do nosso secretariado. Cada apoio foi importante nessa vitória, que não foi uma vitória minha, mas, uma efetiva vitória do povo de Lajedão, pois nossos candidatos já têm serviços prestados por nossa cidade e farão muito mais. O trabalho não para”, disse Betão.

Por: Edvaldo Alves/Liberdadenews

Câmara aprova medidas para vítimas de violência doméstica

A Câmara dos Deputados aprovou nesta quinta-feira, 9, o projeto de lei que estabelece medidas excepcionais para garantir às mulheres vítimas de

Bolsonaro promete anúncio de ministro da Educação nesta sexta

Presidente falou em uma pessoa "conciliadora" para o cargo O presidente Jair Bolsonaro deve anunciar o novo ministro da Educação nesta

Doria prevê vacina contra Covid-19 aprovada até dezembro

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), previu que, "se tudo correr bem", até dezembro a Agência Nacional de Vigilância Sanitária

Programa Teixeira Asfaltada é ampliado como mais 93 ruas

Teixeira de Freitas: Em funcionamento desde 2017, o Programa Teixeira Asfaltada avança, alcançado mais ruas e atendendo ainda mais famílias. O

Petrobras anuncia reajuste de 5% para a gasolina nas refinarias

Novo valor entra em vigor nesta quarta-feira A Petrobras anunciou, nesta terça-feira (7), reajuste médio de 5% no preço do litro da gasolina

Cinco funcionários da Câmara de Itamaraju testam positivo para

Itamaraju: O presidente da Câmara Municipal de Itamaraju, vereador Adriano Pinaffo (PSD) resolveu nesta terça-feira, dia 7 de julho, interditar

Venda de refinarias: Ministérios defendem, após Congresso pedir

Pastas da Economia e de Minas e Energia emitiram nota A privatização de refinarias da Petrobras encontra aval em decisões recentes do Supremo

Afastamento de Ricardo Salles do Ministério do Meio Ambiente é

O Ministério Público Federal (MPF) pediu, na tarde desta segunda-feira, 6, o afastamento, em caráter de urgência, do ministro do Meio Ambiente,

Governo destinará R$ 500 milhões para proteger a Amazônia

O Ministério do Meio Ambiente criou nesta sexta-feira (3) o Programa Floresta+ para valorizar quem preserva e cuida da floresta nativa do país. O

INSS prorroga antecipação do BPC e auxílio-doença até outubro

Medida visa evitar aglomerações nas agências durante a pandemia O governo federal publicou um decreto autorizando o Instituto Nacional do

Nossos Apoiadores: