Os três partidos elegeram quatro senadores cada um. Apesar de ter ficado em quarto lugar no total de votos, MDB teve maior concentração na votação e conseguiu eleger sete senadores. O PT e o PSDB seguem como campeões de votos para senador em todo o país, mas os dois partidos tiveram quedas de mais de 30% neste ano em comparação com 2010, quando 54 vagas também foram disputadas para o Senado, apontam dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Já o PSL desbancou o MDB e passou a ocupar o 3º lugar, com uma alta de mais de 4.200% no número de votos.

PT e PSDB são os partidos com mais votos para senador, mas tiveram queda em relação a 2010; já o PSL disparou e passou a ocupar o terceiro lugar

Juliane Souza/Arte G1

O PT de Fernando Haddad (no 2º turno da disputa presidencial) elegeu quatro senadores neste ano e teve uma queda de 37,1% no número de votos. Há oito anos, a sigla recebeu 39,4 milhões de votos nos candidatos a senador; já em 2018, foram 24,8 milhões. Mesmo assim, o PT se mantém como o partido que mais recebeu votos na disputa.

O PSDB, que ocupava a segunda posição em 2010 e continua a ocupar em 2018, também teve uma queda grande no número de votos: 34,3%. O partido também elegeu quatro senadores neste ano.

Já o PSL, do presidenciável Jair Bolsonaro, seguiu a tendência de maior participação partidária nestas eleições e teve uma alta de 4.247% no número de votos recebidos para senador. Em 2010, a sigla recebeu apenas 446,5 mil votos; já em 2018, foram 19,4 milhões. O partido elegeu quatro senadores.

O MDB, que em 2010 foi o terceiro partido a receber mais votos, teve uma queda de 46,7% e foi ultrapassado pelo PSL. Foram quase 24 milhões em 2010 contra 12,8 milhões em 2018.

Apesar de ter recebido bem menos votos que o PT, o PSDB e o PSL, porém, o MDB conseguiu eleger mais senadores que estes partidos: foram sete no total. Isso quer dizer que os votos dos outros partidos foram mais pulverizados entre seus candidatos que os do MDB, que teve uma maior concentração de votos em menos candidatos.

Média de votos por candidato

Um dos fatores associados à alta do PSL é o fato de que o partido teve um número muito maior de candidatos em 2018 que em 2010. Há oito anos, eram apenas quatro candidatos; agora, foram 22.

Esse movimento não aconteceu apenas entre os concorrentes para o Senado, mas entre todos os candidatos da sigla. Um levantamento do G1 publicado no final de setembro apontou que o número de candidatos do PSL passou de 680 em 2014 para 1.454 neste ano, uma alta de 113,8%. Com o aumento, o partido se tornou a sigla com mais candidatos nas eleições de 2018.

Entre 2010 e 2018, a média de votos por candidatos do PSL praticamente dobrou, passando de 444,5 mil votos por candidato para 882,5 mil.

Em relação ao PT, ao PSDB e ao MDB, o número de candidatos não mudou muito entre as eleições, mas a média de votos por candidato diminuiu consideravelmente. Com 22 candidatos, o PT teve 1,8 milhão de votos por candidato em 2010. Já em 2018, com 25 candidatos, a média caiu para 991,4 mil votos.

O PSDB aumentou o número de concorrentes de 17 para 23, mas acabou os pleitos com uma queda na média de votos por candidato de 1,8 milhão em 2010 para 883 mil em 2018.

Já o MDB teve 23 candidatos nas duas eleições, mas queda na média de votos de 1 milhão para 556,5 mil.

Initial plugin text


Obras de drenagem pluvial dão início ao trabalho no Recanto do Lago

Teixeira de Freitas: Foi dado início ao trabalho para preparar a drenagem pluvial no bairro Recanto do Lago para dar início ao asfaltamento de

Câmara aprova flexibilização da posse de arma de fogo no campo

A Câmara dos Deputados aprovou a flexibilização da posse estendida de armas de fogo em propriedades rurais. A medida, que vai a sanção do

Teixeira: Obra de asfaltamento do acesso ao bairro Mirante do Rio é

Teixeira de Freitas: Foi iniciada nesta quarta-feira (21) a obra que irá realizar o asfaltamento do acesso ao bairro Mirante do Rio. A equipe já

Entenda: Bolsonaro transferirá Coaf para o Banco Central

A mudança do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Banco Central será feita via medida provisória (MP) pelo presidente

Projeto que amplia porte de armas deve ser votado nesta terça-feira

Uma das novidades do texto é que mulheres em medidas protetivas vão poder ter autorização de posse de arma concedida em até 10 dias O projeto

Veja calendário completo de saques do FGTS e Fundo PIS-Pasep

A Caixa Econômica informou que abrirá as agências 2 horas mais cedo e aos sábados no começo de cada calendário para atender à demanda de

Inscrições para Processo Seletivo da PMTF acabam nesta quinta, 22

Faltam poucos dias para o período de inscrição do processo seletivo da Prefeitura de Teixeira de Freitas ser encerrado. O prazo será encerrado

Morre ex-deputado Eujácio Simões Filho aos 71 anos

O ex-deputado federal Eujácio Simões Filho morreu neste domingo (18) aos 71 anos em Salvador. O velório acontece no Cemitério Jardim da

A NICA DA LIBERDADE 211

Ramiro Guedes MILLÔR E A BÍBLIA DO CAOS Esse dia 16 de agosto é aziago, pois lembra a morte de Millor Fernandes, excelente escritor, humorista

PIS/Pasep: benefício para os nascidos em agosto está liberado

O abono salarial do calendário 2019/2020 do Programa de Integração Social (PIS ) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público

Policia
Nossos Apoiadores: