O Supremo Tribunal Federal (STF) adiou nesta quinta-feira, 12, a decisão que pode considerar que é crime não pagar o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) devidamente declarado. O imposto é a principal fonte de receita dos estados, cobrado pela movimentação de mercadorias e serviços, devendo ser recolhido e repassado ao governo por uma empresa na venda de algum produto ou serviço.

Até o momento, há maioria de votos a favor da medida, mas um pedido de vista do ministro Dias Toffoli suspendeu o julgamento, que deverá ser retomado na quarta, 18. A maioria dos ministros seguiu voto proferido pelo relator, ministro Luís Roberto Barroso, na sessão de quarta, 11, primeiro dia do julgamento. No entendimento do ministro, o ICMS não faz parte do patrimônio da empresa, que é mera depositária do valor, devendo repassá-lo à Receita estadual.

Na sessão desta tarde, o entendimento foi acompanhado pelos ministros Luiz Fux, Rosa Weber, Edson Fachin e Cármen Lúcia. Os ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Marco Aurélio se manifestaram contra a criminalização por entenderem que conduta não foi tipificada na lei de crimes tributários, sendo apenas uma dívida fiscal.

De acordo com informações enviadas ao STF pelo Comitê Nacional de Secretários de Fazenda (Consefaz), todos os estados possuem devedores contumazes do imposto, ou seja, contribuintes que não repassam o tributo estadual rotineiramente. Segundo o Consefaz, em 2018, o calote no Maranhão foi de R$ 4,6 bilhões, no Rio Grande do Sul, R$ 2 bilhões, e de R$ 1 bilhão, no Rio de Janeiro.

Fonte: Atarde


Suspeitos de ordenar e executar homicídios são mortos pela polícia

Eunápolis: Dois homens acusados de assassinatos foram mortos em uma troca de tiros com a Polícia Militar, fim da tarde de domingo (16), no bairro

Três pessoas são baleadas durante passagem de blocos em SP

Segundo informações iniciais, um policial civil teria reagido a um assalto e disparou contra um homem. Duas mulheres ficaram feridas. Ao menos

Doméstica é estuprada e morta; neto da patroa confessa o crime

A empregada doméstica Jéssica Santiago dos Santos, de 29 anos, foi morta a facadas na madrugada deste domingo, 16, na casa onde trabalhava no

Mulher morre após ser atropelada por caminhão de coleta de lixo

Uma mulher morreu depois de ser atropelada por um caminhão de coleta do lixo, que estava dando ré, na manhã deste sábado (15), em Itabuna, no

Idoso é resgatado após cair em buraco no fim de ribanceira

Porto Seguro: Um idoso foi resgatado após cair em um buraco no fim de uma ribanceira, na manhã deste sábado (15), em Porto Seguro, cidade do

Operário baleado em obra pode ter sido confundido

    Eunápolis: Um operário da construção civil foi baleado no bairro Stela Reis, na cidade de Eunápolis, no início da tarde de

Entidades pedem esclarecimento de morte de jornalista

Entidades representativas emitiram notas após o assassinato do jornalista Lourenço Veras, conhecido com Léo Veras, na última quarta-feira, 12.

Eleita a lista-tríplice para novo chefe do MP

Foram eleitos ontem os promotores de Justiça Pedro Maia, Alexandre Cruz e Norma Angélica Cavalcanti para a lista tríplice de onde será

Mil comprimidos de ecstasy e 20 kg de maconha são apreendidos

Um jovem de 19 anos foi preso com 1,5 mil comprimidos de ecstasy e cerca de 20kg de maconha na tarde de quarta-feira (12), na BR-116, trecho da

Homem é torturado pelo tribunal do crime; polícia impede execução

    Eunápolis: Um homem de 20 anos foi torturado no bairro Moisés Reis, em Eunápolis, no fim da tarde de quarta-feira (13). Segundo

Nossos Apoiadores: