Ao lado dos baixos níveis de aprendizagem, a evasão escolar constitui uma das mais maiores dificuldades do Ensino Médio. Segundo dados divulgados por uma pesquisa do Instituto Ayrton Senna e pelo Instituto de Ensino e pesquisa (INSPER), 2,8 milhões de jovens – com idades entre 15 e 17 anos - não se matricularam no início do ano letivo de 2018.

Esse dado corresponde a 27% de possíveis alunos, entre os 10 milhões de jovens nessa faixa etária que deveria frequentar a escola. Além de todos os problemas que isso provoca no futuro desses jovens e para o país, a evasão e abandono escolar também implicam em prejuízo econômico de R$ 35 bilhões por ano aos cofres públicos.

Quando o aluno abandona a escola, o valor do custo sobe já que, segundo o estudo, o jovem fica mais suscetível a problemas com violência e de saúde quando está fora do ambiente escolar. O estudo também identifica algumas razões para o desengajamento dos estudantes. Entre os fatores estão: falta de interesse, qualidade do ensino, clima do ambiente escolar e a baixa resiliência emocional.

Uma proposta didática adequada aos jovens pode contribuir para que a evasão escolar diminua. “De modo geral, essa evasão, principalmente na fase do ensino médio, acontece porque os jovens de hoje em dia pensam diferente. Eles gostam de movimento, de mudança, por isso investir em uma didática mais lúdica e que insira materiais tecnológicos pode ser uma solução para esse problema”, explica Osvaldo Martin, coordenador pedagógico do Colégio Vilas, uma das 18 mil instituições parceiras do Educa Mais Brasil, maior programa de inclusão educacional do país.

Para reverter o quadro, o estudo propõe a criação de políticas públicas para diminuir o desengajamento como a garantia de acesso às escolas, principalmente para aqueles que vivem em áreas rurais ou que têm alguma deficiência, um sistema de aconselhamento, flexibilização dos horários das aulas e do modelo de avaliação.


Prefeitura do Prado em convênio com a PM vai implantar a primeira

Prado: A Secretária Municipal de Educação da cidade do Prado/BA assinou na data desta terça-feira (18), um convênio com a Polícia Militar

Quase uma tonelada de lixo é retirada de praia em Caravelas

Caravelas: No dia do World CleanUp Day, o Projeto Meros do Brasil, que é patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras

STF decide vetar ensino domiciliar para crianças

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quarta-feira (12) impedir que os pais tirem seus filhos da escola para oferecer um ensino

Quer bombar na sua redação? FASB e TV Santa Cruz promovem Aulão

Teixeira de Freitas: A FASB (Faculdade do Sul da Bahia, em parceria com a TV Santa Cruz, promove uma Aulão Preparatório para Redação, abordando

Secretaria irá realizar oficina sobre oportunidades de trabalho

Teixeira de Freitas: Nesta quinta-feira, dia 13 de setembro, a Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas através da Secretaria Municipal de

Mestrado em Saúde da Família da UFSB tem inscrições prorrogadas

As inscrições para o Mestrado Profissional em Saúde da Família foram prorrogadas até o dia 08 de setembro, próximo sábado. O certame oferece

IF Baiano tem 2.895 vagas para processo seletivo de cursos técnicos

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano (IF Baiano) abriu 2.895 vagas para o ingresso de estudantes em cursos técnicos

FECIBA do Colégio Henrique Brito teve como destaque o Projeto de

Teixeira de Freitas: A comunidade escolar do Colégio Estadual Henrique Brito – Tempo Integral (CEHBI), NTE 07 – Teixeira de Freitas, realizou

Nova Escola Almir Sant'Anna Soares é reinaugurada em Caravelas

Caravelas: Pronto. Está entregue a nova Almir Sant’Anna Soares. O cerimonial do descerramento da faixa e da placa de inauguração aconteceu na

Suzano Papel e Celulose oferece curso gratuito de qualificação

A Suzano Papel e Celulose está com inscrições abertas para cursos gratuitos de qualificação profissional. Há vagas disponíveis para jovens

Nossos Apoiadores: