O governo aumentou o teto e determinou o financiamento mínimo de 50% do curso para as contratações de empréstimos com o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) no segundo semestre. O limite financiável aumentou de R$ 30 mil para R$ 42.983. As mudanças valerão para a modalidade 1 do Novo Fies, em que são ofertadas vagas com juro zero para estudantes de famílias com renda mensal de até três salários mínimos. O limite de R$ 42.983 foi o mesmo definido para as contratações até dezembro de 2017.

O valor havia sido reduzido com a reformulação do programa, válida para este ano, mas, de acordo com o ministro da Educação, Rossieli Silva, foi aumentado agora porque havia demandas por cursos mais caros, como medicina. "Tínhamos medo de que o limite inicial pudesse comprometer a sustentabilidade, mas entendemos que não e, por isso, subimos o valor agora", afirmou. "Não dá para termos no Brasil irresponsabilidade criando rombos. Ele é um programa importante que precisa ser sustentável". Segundo o ministro, o mínimo de financiamento de 50% foi definido porque, em alguns casos, estudantes estavam conseguindo porcentuais muito baixos no financiamento.

Para evitar problemas identificados no passado, como a cobrança de valores mais altos para estudantes do Fies, foi definido no início do ano que as faculdades teriam que cobrar desse estudante valor igual ao menor cobrado na turma em que ele estudar. "Essa regra funcionou e permitiu a criação do limite mínimo de 50%", afirmou o ministro. Das 100 mil vagas disponíveis na modalidade 1 do Fies em 2018, foram contratadas 36.866 e há em contratação 16.351. Com isso, cerca de R$ 9 bilhões dos R$ 19 bilhões disponíveis neste ano foram comprometidos. O processo vai até o dia 25 de junho e, em julho, será aberta a contratação para o segundo semestre.


Asteroide passa próximo da Terra

Nasa registrou o 2019 AG3, com tamanho comparável ao de um avião, a uma distância de 4,9 milhões de quilômetros do planeta O asteroide 2019

As Notas do Enem serão divulgadas nesta sexta

Nesta sexta-feira, 18, mais de 4,1 milhões de estudantes que fizeram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) no ano passado terão acesso às notas

Após golpe na cabeça homem vira um gênio da matemática

Jason Padgett com visual dos anos 80: 'Aquele estereótipo do idiota que você vê entrando em um bar... Este era eu' Foi literalmente um golpe

Secretaria mobiliza educadores para a Semana Pedagógica 2019

Com o objetivo de planejar o ano letivo de 2019, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia realizará, entre os dias 4 e 8 de fevereiro, a

Veja dicas para se aposentar antes dos 40 anos

Aposentar-se cedo é o desejo de muitas pessoas, mas que parece distante da realidade. Porém, é possível que isso aconteça, desde que indivíduo

A onda de 1,6 mil metros que pode ter dizimado os dinossauros

A maior onda já documentada no hemisfério sul na história moderna tinha 23,8 metros de altura Em maio de 2018, cientistas documentaram nas

As espécies de animais que perdemos em 2018

Um tributo a todas as espécies extintas O ano de 2018 foi marcado por tristes notícias quanto à sobrevivência de vários animais. Quem não

Por que a estrela mais brilhante da galáxia é invisível a olho nu

Eta Carinae, estrela mais luminosa da Via Láctea, perderá nuvem de poeira que hoje ofusca seu brilho quando vista da Terra. Apesar de brilhar

A árvore que guiou a história humana e sustenta vida de milhares de

Há mais de 2 mil anos, o galho de uma importante árvore foi cortado sob ordens de Ashoka, o Grande, imperador da Índia. Diz-se que foi embaixo

Astrônomos flagram buraco negro 'devorando' estrela

Um telescópio a bordo da Estação Espacial Internacional captou sinais de um buraco negro "devorando" uma estrela. As imagens, detectadas em março

UAI Brasil
O teixeirão 2018
Connect Informática
Nossos Apoiadores: