O governo aumentou o teto e determinou o financiamento mínimo de 50% do curso para as contratações de empréstimos com o Fundo de Financiamento Estudantil (FIES) no segundo semestre. O limite financiável aumentou de R$ 30 mil para R$ 42.983. As mudanças valerão para a modalidade 1 do Novo Fies, em que são ofertadas vagas com juro zero para estudantes de famílias com renda mensal de até três salários mínimos. O limite de R$ 42.983 foi o mesmo definido para as contratações até dezembro de 2017.

O valor havia sido reduzido com a reformulação do programa, válida para este ano, mas, de acordo com o ministro da Educação, Rossieli Silva, foi aumentado agora porque havia demandas por cursos mais caros, como medicina. "Tínhamos medo de que o limite inicial pudesse comprometer a sustentabilidade, mas entendemos que não e, por isso, subimos o valor agora", afirmou. "Não dá para termos no Brasil irresponsabilidade criando rombos. Ele é um programa importante que precisa ser sustentável". Segundo o ministro, o mínimo de financiamento de 50% foi definido porque, em alguns casos, estudantes estavam conseguindo porcentuais muito baixos no financiamento.

Para evitar problemas identificados no passado, como a cobrança de valores mais altos para estudantes do Fies, foi definido no início do ano que as faculdades teriam que cobrar desse estudante valor igual ao menor cobrado na turma em que ele estudar. "Essa regra funcionou e permitiu a criação do limite mínimo de 50%", afirmou o ministro. Das 100 mil vagas disponíveis na modalidade 1 do Fies em 2018, foram contratadas 36.866 e há em contratação 16.351. Com isso, cerca de R$ 9 bilhões dos R$ 19 bilhões disponíveis neste ano foram comprometidos. O processo vai até o dia 25 de junho e, em julho, será aberta a contratação para o segundo semestre.


Cresce procura por carreira de educação

De acordo com um levantamento realizado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e a Fundação

Último dia para se matricular no pré-vestibular Universidade Para

A matrícula para o cursinho pré-vestibular Universidade para Todos termina nesta sexta-feira (24), no local e turno para os quais o aluno optou

Prazo de pagamento da taxa Enem 2019 encerra hoje

Interessados em participar do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019 que não foram contemplados com a isenção devem ficar atentos. O prazo

Mais de 16 mil alunos de Teixeira participam da Obmep

Nesta terça-feira, dia 21 de maio, aconteceu a 1ª fase de prova da 15ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas – Obmep. A

MEC mantém bloqueio de R$ 5,8 bilhões após revisão orçamentária

Governo usa reserva e a libera R$ 1,5 bilhão para o Ministério da Educação O Ministério da Educação informou nesta quarta-feira (22) que

Prouni 2019: edital e cronograma foram divulgados para o segundo

Quem deseja cursar graduação com bolsas de estudo ofertadas por meio do Programa Universidade para Todos (Prouni 2019) deve ficar atento para o

Partiu Estágio seleciona 1,4 mil universitários em novas

O governador Rui Costa anunciou na noite desta terça-feira (21), durante o #PapoCorreria, a convocação de 1.410 universitários para integrar o

UFSB é a mais afetada do País por cortes do MEC

Com corte de 53,96%, a Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), localizada em Itabuna (distante a 642 km de Salvador), no sul do estado, foi a

Enem 2019: prazo para pagar boleto encerra nesta quinta-feira

Boleto deve ser pago até o dia 23 para validar a inscrição na prova. Prazo para requisição de atendimento por nome social se encerra na sexta,

Bolsas para graduação e mestrado na Itália

Uma oportunidade além da fronteira, a Università Commerciale Luigi Bocconi oferece bolsas de estudo para graduação e mestrado na Itália com o

UAI Brasil
Nossos Apoiadores: