Para algumas pessoas, pedir empréstimo é a única solução para conseguir dinheiro mais rápido. Por parecer mais fácil, acabam optando pelo empréstimo pessoal. Mas você sabia que existem alternativas como empréstimo consignado e refinanciamento de imóvel?

Preparamos um post com as principais informações sobre o assunto para você se informar antes de pensar em solicitar um empréstimo. Veja em qual delas o seu perfil se encaixa e corra atrás da sua aprovação de crédito!

O que é empréstimo consignado

O empréstimo consignado é concedido por instituições financeiras para beneficiários do INSS, aposentados e pensionistas, funcionários públicos e, alguns casos, funcionários de empresas privadas.

Sendo assim, para ter o crédito liberado, o solicitante precisa comprovar que está dentro de uma dessas categorias. Além disso, deve saber que o valor da parcela do empréstimo é descontado diretamente no pagamento do salário.

Quais as vantagens do empréstimo consignado

Na hora do aperto, a maioria das pessoas acaba optando pelo crédito pessoal, principalmente, quando não há possibilidade de obter o empréstimo consignado. Mas veja quais são as vantagens desse tipo de empréstimo:

Você pode organizar sua vida financeira

Ao optar pelo empréstimo consignado, você precisa ficar ciente de que a parcela é retirada do seu salário antes de recebê-lo. Portanto, essa é a melhor forma de se organizar financeiramente, já que não perderá prazo e nem precisará pagar juros a mais.

A taxa de juros não é tão alta quanto aos demais tipos de empréstimos

Como a parcela é descontada do salário, o risco de inadimplência é mínimo para a instituição financeira. Por conta disso, o banco consegue cobrar taxas mais baixas porque a transação acaba sendo mais atraente para a instituição.

O crédito pode ser liberado mesmo com o nome negativado

O pagamento da parcela do empréstimo consignado é automático. Nesse caso, o risco é mínimo se comparado com outros empréstimos. Por isso, algumas instituições financeiras concedem o crédito para os negativados.

A taxa de juros é pré-fixada

Não há alteração na taxa de juros contratada no ato da liberação do empréstimo consignado. Portanto, o solicitante sabe naquele momento qual o valor da parcela que será paga até a quitação da dívida.

O que é refinanciamento de imóvel

O refinanciamento de imóvel é um tipo de empréstimo concedido pelas instituições financeiras para quem possui um imóvel registrado em seu nome. Na negociação, o bem é dado como garantia para receber o crédito.

Portanto, no caso de inadimplência, como o imóvel é o objeto de garantia, o banco fica autorizado a levá-lo a leilão para quitar a dívida. Sendo assim, qualquer pessoa que possui imóvel pode tentar o refinanciamento imobiliário.

Quais as vantagens do refinanciamento de imóvel

Assim como o empréstimo consignado, o refinanciamento imobiliário também possui diversas vantagens, deixando-o bastante atraente. Conheça quais as principais razões para você optar pelo refinanciamento de imóvel:

Facilidade na concessão do crédito

Como o valor do bem que será dado como garantia costuma ser alto, os bancos conseguem facilitar o crédito. Em muitos casos, a instituição libera em torno de 60% do valor total do imóvel.

As taxas de juros são menores

O refinanciamento de imóvel possui uma das taxas mais atrativas do mercado, sendo que em muitos casos o valor se inicia em 1,22% ao mês. Portanto, a taxa é realmente baixa, sendo uma ótima opção de empréstimo para quem precisa resolver sua vida financeira.

O prazo costuma ser longo

Uma das principais vantagens do refinanciamento imobiliário é o prazo alongado para pagamento da dívida. Em muitos casos, é possível obter um prazo de 15 anos, fazendo com que o valor caiba dentro do seu orçamento.

Pode utilizar o crédito livremente

Em alguns empréstimos bancários, a instituição questiona o solicitante sobre o uso do dinheiro. No caso do refinanciamento imobiliário, o tomador pode usar o valor conforme a sua necessidade, sem precisar dar satisfação sobre isso.

Qual empréstimo contratar

Decidir qual empréstimo contratar vai depender do seu perfil. Se você é um funcionário público ou aposentado, o empréstimo pode ser a melhor opção para o seu caso. No entanto, se você precisa de um valor alto, somente o refinanciamento para resolver a sua situação.

Para aqueles que não entram nos critérios do empréstimo consignado, tem a opção de fazer um empréstimo pessoal, mesmo sabendo das taxas de juros altas. Nesse caso, o refinanciamento de imóvel pode ser uma alternativa.

Entretanto, independentemente da escolha, o solicitante precisa se organizar financeiramente para quitar sua dívida. No empréstimo consignado, o seu salário pode ficar comprometido e no refinanciamento imobiliário, você pode correr o risco de perder o imóvel.

Agora que você já sabe o que é o empréstimo consignado e o refinanciamento de imóvel, veja as características de cada um antes de escolher o tipo de empréstimo que você precisa.

Por: Liberdadenews/Ascom


Capes anuncia novas regras para bolsas de pós-graduação

Modelo leva em consideração desempenho acadêmico e IDHM Cursos de mestrado e doutorado poderão perder até 10% ou ganhar mais 30% do número

Estudantes da UESB vencem workshop internacional de tecnologia

O desperdício de alimentos em feiras livres é um problema social que pode ser resolvido com apenas um caixote de feira, uma placa de

Não passou no vestibular? Confira dicas para recuperar a motivação

Aprenda a ter ânimo para voltar a estudar e não desistir do seu sonho Não passar no vestibular é uma situação que não é tão simples de

Curso de Biomedicina está entre os mais concorridos da área de

Biomédicos focam em pesquisas sobre causadores de enfermidades e suas possíveis curas A Biomedicina é uma carreira que transita entre a Biologia

MEC busca alternativa para voltar a emitir carteira de estudante

O Ministério da Educação (MEC) informou nesta segunda (17) que busca alternativas para garantir aos estudantes a emissão gratuita de

Resultado da segunda chamada do ProUni já está disponível

Estudantes têm até o dia 28 para apresentar documentação O Ministério da Educação divulgou hoje (18) o resultado da segunda chamada do

MEC não pode emitir carteira estudantil a partir desta segunda-feira

IDs terão validade até a data de expiração O Ministério da Educação (MEC) não está emitindo novas identidades estudantis (IDs) – as

Matrícula na educação infantil cresceu 12,6% nos últimos cinco

O crescimento foi impulsionado pelas matrículas em creches O número de matrículas na educação infantil aumentou em 12,6% nos últimos cinco

Praticar atividade física com vídeos da internet pode causar graves

Vídeos que circulam pela internet são alternativas “fáceis” e baratas Cada dia mais comum no ambiente virtual, aplicativos, blogs e vídeos

Saiba quais são os fenômenos astronômicos previstos para 2020

Calendário prevê eclipses solares, lunares e chuvas de meteoros Os fenômenos astronômicos previstos para 2020 vão além da Superlua deste

Nossos Apoiadores: