O Programa Universidade para Todos (ProUni) vai ofertar 169.226 bolsas de estudos em instituições particulares de ensino superior, sendo 68.087 bolsas integrais e 101.139 parciais, no segundo semestre de 2019. As vagas foram anunciadas nesta segunda-feira, 10, pelo Ministério da Educação (MEC). Ao todo, participam desta edição 1.100 instituições.

As inscrições podem ser feitas a partir desta terça, 11. O prazo para participar da seleção vai até 14 de junho. A inscrição deverá ser feita pela internet, no site do Prouni.

O número de bolsas é inferior às 174 mil ofertadas no segundo semestre do ano passado - 68.884 bolsas integrais e 105.405 parciais. Caiu também no número de instituições. Em 2018 foram 1.460.

Segundo o secretário-executivo do MEC, Antonio Paulo Vogel, a queda deve-se à possível suspensão de cursos e faculdades privadas, o que impede a oferta de bolsas.

Mesmo com a redução de vagas, a expectativa é que o número de inscrições aumente em relação a 2018. “Tivemos um aumento no Sisu [Sistema de Seleção Unificada], o que mostra que tem mais gente buscando o ensino superior”, disse Vogel.

O Sisu, que oferece vagas em instituições públicas de ensino superior, teve um aumento de 25,9% no número de candidatos no processo seletivo do segundo semestre deste ano em comparação com o segundo semestre do ano passado.

Vogel explica que a redução de bolsas não impactará o orçamento do MEC, uma vez que as instituições participantes não recebem recursos. Elas são isentas de impostos.

ProUni

As bolsas de estudo ofertadas pelo ProUni são parciais, de 50% do valor da mensalidade, e integrais, de 100%. As bolsas integrais são destinadas a estudantes com renda familiar bruta per capita de até 1,5 salário mínimo. Já as bolsas parciais, contemplaram os candidatos que têm renda familiar bruta per capita de até 3 salários mínimos.

Podem se inscrever candidatos que não tenham diploma de curso superior e que tenham participado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018. Além disso, os estudantes precisam ter cursado o ensino médio completo em escola pública ou em instituição privada como bolsista integral.

É preciso ter obtido ainda uma nota mínima de 450 pontos na média aritmética das notas obtidas nas provas do Enem. O cálculo é feito a partir da soma das notas das cinco provas do exame e, depois, dividindo por cinco. Outra exigência é a de que o aluno não tenha tirado zero na redação.

Também podem participar do programa, estudantes com deficiência e professores da rede pública.

Calendário

A divulgação do resultado da primeira chamada está prevista para 18 de junho. Já a segunda chamada será no dia 2 de julho.

O candidato pré-selecionado deverá comparecer à respectiva instituição de ensino superior para comprovação das informações no período de 18 a 25 de junho, caso tenha sido selecionado na primeira chamada e de 2 a 8 de julho na segunda.

A lista de espera, caso as vagas não sejam ocupadas, fica disponível no site para consulta pelas instituições de ensino no dia 18 de julho.

Fonte: Agência Brasil


No Dia do Ciclista, campanha alerta sobre uso seguro da bicicleta

A Campanha Bicicleta Segura, da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia (Sbot), chama a atenção para o Dia do Ciclista, comemorado

Brasil divulga filmes que disputam indicação ao Oscar

Desta vez vai? Dois filmes brasileiros premiados em Cannes, em maio - Bacurau, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, que participou da

No Dia Mundial da Fotografia, confira um ensaio sobre o cotidiano das

O fotógrafo Gilucci Augusto conta como foi a experiência desses registros Hoje (19), é comemorado o Dia Mundial da Fotografia. A invenção traz

Mais de 150 crianças e jovens participam do Workshop de preparação

Teixeira de Freitas: Uma tarde para se preparar para um sonho. Assim foi o workshop neste sábado (17) organizado pela Casa da Cultura para

Ministro diz que em setembro, bolsas do CNPq podem ficar sem

Déficit orçamentário do órgão é de R$ 330 milhões, valor necessário para o pagamento das bolsas até o fim do ano. O Ministro da Ciência

MEC prorroga prazo do Future-se para sugestões da consulta pública

Comentários poderão ser enviados até 29 de agosto. Programa pretende flexibilizar o financiamento do ensino superior alterando leis para que as

Etapas do Prouni e Fies são adiadas; confira novas datas

Termina na próxima segunda-feira (19) o prazo para os candidatos não matriculados em instituição de ensino superior (IES) as quais têm interesse

Prefeitura Mais Perto de Você leva serviços para Cachoeira do Mato

Diversos serviços foram disponibilizados para os moradores do Distrito de Cachoeira do Mato, distante cerca de 50 km da sede, nesta quinta-feira

Mestrado e doutorado poderão ser oferecidos a distância a partir de

A partir do primeiro semestre do próximo ano instituições de ensino superior de todo o país poderão abrir ofertas de mestrado e doutorado a

Manifestações por todo Brasil acontecem em defesa da educação

Até por volta de 19h, 85 cidades dos 26 estados e do Distrito Federal haviam tido protestos pacíficos. Cidades brasileiras de todo o país

Policia
Nossos Apoiadores: