A seleção brasileira perdeu para as anfitriãs por 2 a 1 na noite deste domingo (23) e está eliminada da Copa do Mundo da França. O time de Marta, Cristiane e Debinha deu trabalho à equipe da casa e fez um jogo quase sempre parelho, mas a superioridade francesa acabou se mostrando intransponível, apesar da inusual ineficiência das europeias no ataque.

O retrospecto de confrontos (5 empates e 3 vitórias das europeias) e a posição das equipes no ranking da Fifa (o Brasil é o décimo, seis posições atrás da adversária) faziam da França a favorita.

Mas as brasileiras não se intimidaram. Conseguiram segurar o ímpeto ofensivo francês, algo para que contribuiu muito a volta de Formiga - que cumpria suspensão no jogo anterior, contra a Itália. E também criaram oportunidades, principalmente com Marta, Debinha e Cristiane.

O JOGO

O primeiro tempo foi tenso, com muitas divididas duras, erros de passes dos dois lados e reclamações sobre a arbitragem.

A maior delas veio após a anulação do primeiro gol francês, aos 23 minutos, na sequência de um cruzamento de Diani (destaque absoluto do duelo) para Gauvin. A atacante marcou quase que de ombro, após se chocar com Bárbara.

A goleira brasileira ficou no chão por vários minutos depois da colisão. Enquanto isso, o lance foi reavaliado pela árbitra com o auxílio do VAR.

Quando a revisão da jogada levou à invalidação do gol, a torcida no estádio Océane se revoltou. Vaiou muito o tiro de meta de Bárbara e o ruído se repetiria a cada vez que ela tocasse na bola, inclusive na segunda etapa.

As francesas voltaram do intervalo fazendo mais pressão e conseguiram abrir o placar aos 7, depois de Tamires (em dia ruim) não conseguir segurar Diani pela direita e ver o cruzamento curto dela ser interceptado por Gauvin, que desta vez teve o gol validado.

O Brasil igualou aos 19, em chute forte de Thaisa no canto esquerdo do gol de Bouhaddi, após cruzamento de Debinha. Houve dúvida mais uma vez sobre a validade do lance, mas o VAR confirmou que não existiu impedimento brasileiro na origem da jogada.

A França dominou a segunda etapa, mas as brasileiras conseguiram levar perigo com Debinha, Cristiane e, no fim do tempo regulamentar, Bia Zaneratto, que substituiu Ludmila. Na prorrogação, o time europeu se impôs desde o começo, sobretudo por meio de contra-ataques ágeis. Mas faltava eficiência na finalização.

Do lado brasileiro, Cristiane se machucou e, sem conseguir encostar o pé esquerdo no chão, cedeu lugar a Geyse. No fim da primeira etapa, Debinha encontrou uma diagonal pela esquerda do campo francês e disparou. Seu chute foi salvo quase em cima da linha pela francesa Mbock.

Nos minutos iniciais do segundo tempo da prorrogação, um cruzamento pela direita em cobrança de falta encontrou o pé esquerdo de Henry, mal marcada por Monica, que empurrou para o gol e colocou as donas da casa nas quartas de final da Copa do Mundo.

Fonte: Bahianoticias


Mundial de Handebol: Brasil se complica após três jogos sem vencer

Seleção depende de 2 vitórias e combinação de resultados para avançar O Brasil ficou numa situação delicada no Mundial de Handebol

Brasil estreará contra a Venezuela na Copa América de 2020

Veja a tabela da competição A seleção brasileira conheceu nesta terça-feira o adversário de estreia na edição de 2020 da Copa América.

Craques do Flamengo tatuam taça da Libertadores

Jogadores do Rubro-Negro fizeram questão de marcar conquista da maior competição da América, em seus corpos. Confira fotos a seguir Após o

Marta encontra Cristiano Ronaldo e evita falar sobre aposentadoria

Encontro de craques foi promovido pelo canal Desimpedidos Escolhida como melhor futebolista do mundo por seis vezes, Marta teve um encontro de

Real Madrid lança uniforme virtual exclusivo para o game Fifa 20

Torcedores podem comprar uniforme que não será usado pelo time em campo O Real Madrid lançou uma nova camiseta exclusiva para o game Fifa 20.

Finalista do TUF Brasil, Serginho Moraes é demitido do UFC

Vice-campeão do reality show deixou franquia após série ruim O Brasil perdeu um atleta do quadro de profissionais do Ultimate Fighting Brasil.

Prefeitura inaugura Campo de Futebol Society em Santo Antônio

Teixeira de Freitas: Jeolino Lopes da Silva “Gel Lopes”, este foi o nome dado ao Campo Society inaugurado pela Prefeitura de Teixeira de

Brasil empata com a França no Mundial Feminino de Handebol

Depois de perder para a Alemanha em sua estreia no Mundial Feminino de Handebol, a seleção brasileira empatou em 19 a 19 com a atual campeã

Atlético recebe Corinthians para tentar voltar a vencer no

Galo está há quatro jogos sem vencer na competição nacional De volta ao Independência, o Atlético encara o Corinthians neste domingo, às

Cruzeiro perde no Mineirão para o CSA e se complica na Série A

Raposa segue na zona de rebaixamento, na 17ª posição A má fase do Cruzeiro parece não ter fim. Com direito a pênalti perdido por Thiago

Nossos Apoiadores: