André Mendonça, ex-chefe da Advocacia-Geral da União e ex-ministro da Justiça, será o segundo ministro do Supremo Tribunal Federal indicado pelo presidente Jair Bolsonaro. Seu nome foi aprovado pelo Senado quatro meses depois de ser oficializado. No plenário, a indicação recebeu 47 votos favoráveis, contra 32. Antes, a Comissão de Constituição e Justiça aprovou Mendonça por 18 votos a nove depois de oito horas de sabatina.

Como foi a sabatina: aos senadores, André Mendonça afirmou compromisso com o Estado Democrático de Direito e respeito às instituições democráticas e a independência e harmonia entre os Poderes. Apesar de diversas menções a Deus e de se apresentar como “genuinamente evangélico”, disse que defenderá a laicidade do Estado e a liberdade religiosa: “Como tenho dito a mim mesmo: na vida, a Bíblia; no Supremo, a Constituição”.

Mendonça também respondeu sobre a prisão em segunda instância, a Operação Lava-Jato, posse e porte de armas, a liberdade de imprensa, declarações antidemocráticas e o uso por ele da Lei de Segurança Nacional contra críticos do presidente Jair Bolsonaro. Disse ainda que defenderá o “direito constitucional do casamento civil das pessoas do mesmo sexo”.

Outro olhar: Mendonça usou frases-chaves para caracterizá-lo como uma espécie de “anti-Moro”, o que agrada a parlamentares alvos da Lava-Jato e de outras operações, avalia Vera Magalhães.

* As informações são do GLOBO

Teixeira: Embasa emite nota e diz que não realizou obra recente na

Teixeira de Freitas: Após materia veiculada no Liberdade News sobre caminhão de lixo que ficou atolado em buraco na via pública, na Rua Sagrada

Rui Costa diz que não pretende adotar novas medidas de restrição

O governador Rui Costa afirmou, nesta quinta-feira (27), que a adoção de novas medidas de restrição dependem do monitoramento da situação da

Se eleito, Lula diz que não vê problema em diálogo com o Centrão

Líder nas pesquisas de intenção de voto para a presidência nas eleições de 2022, o ex-presidente Lula afirmou nesta quarta-feira, 25, que se

Governadores decidem congelar ICMS por mais 60 dias

Os governadores decidiram em conjunto pelo adiamento do congelamento do (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) por mais 60 dias. O

Podemos repudia instalação de CPI contra Moro

Em nota divulgada nesta terça-feira, 25, a Executiva do Podemos repudiou a possibilidade de criação de uma CPI contra o ex-ministro Sergio

Aumentam as reclamações acerca do Secretário de Infraestrutura de

Teixeira de Freitas: “A incompetência em pessoa”, essa foi uma das muitas falas criticando o atual secretário de infraestrutura de Teixeira

Ex-deputada Kelly Magalhães morre aos 53 anos

A ex-deputada estadual Kelly Magalhães morreu, neste domingo (23), aos 53 anos, em Salvador. A informação foi divulgada pela Assembleia

Interesse de Bolsonaro no União Brasil pode levar Roma a apoiar Neto

O presidente Jair Bolsonaro (PL) estaria interessado em ter a apoio do União Brasil (UB) para a sua reeleição. A vontade de Bolsonaro estaria

Ciro Gomes lança pré-candidatura pelo PDT em convenção

O ex-ministro Ciro Gomes lançou nesta sexta-feira, 21, a sua pré-candidatura à Presidência da República pelo PDT, em convenção com

Dr. Marcelo Belitardo acompanha início de obra de recuperação na

Teixeira de Freitas: Na manhã desta sexta-feira (21), a Prefeitura Municipal de Teixeira de Freitas iniciou a obra de recuperação na Rua Rio

Nossos Apoiadores: